Evolucao

Evolucao
Evolucao

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Alguns conselhos para que tem dificuldades de acreditar em si mesmo

É completamente normal tentar e falhar, colocar-se em situações desconfortáveis e não ser perfeito
Houve um longo período de tempo em que a falta de fé em mim mesmo foi um grande incômodo em minha vida. Eu não persegui uma carreira ideal ou comecei meu próprio negócio porque eu pensava que não podia. Não me mantive fiel aos hábitos porque eu realmente não acreditava que tinha disciplina. Eu era tímido com as garotas, tinha dificuldades em fazer novos amigos, não me afirmava no meu ambiente de trabalho e não me empurrava para sair da zona de conforto.
Tudo porque eu realmente acreditava que não podia.
Mesmo que eu não esteja livre da insegurança agora, posso dizer honestamente que acredito em mim mesmo como nunca antes. Isso não significa que eu ache que nunca vou falhar ou desistir: eu irei. Provavelmente, frequentemente. E isso é normal.
O truque que aprendi é que é completamente normal tentar e falhar, se colocar em situações desconfortáveis e não ser perfeito, dizer olá para uma garota e ela não amar você imediatamente, criar algo e ter pessoas julgando você.
Fracassos, imperfeição, erros, pessoas que não concordam com você, não ser completamente aceito: essas não são coisas negativas. Elas são positivas.
Como um fracasso pode ser positivo? Porque é a única maneira de realmente aprender. Por exemplo: você pode ler um livro de matemática, mas até que você tente e falhe, você nunca vai ver onde está sua falta de compreensão. A melhor forma de aprender algo é estudá-la um pouco, fazer testes práticos, cometer erros e então aprender um pouco mais.
Como erros podem ser positivos? Eles são pequenas partes do feedback necessário para você crescer e aprender.
Como ser rejeitado é positivo? Significa que estou crescendo além da esfera do absolutamente aceitável pela sociedade. As melhores pessoas da história não eram aceitas socialmente: aqueles que falavam verdades como Sócrates, Jesus, Gandhi, Proudhon, Bakunin e Martin Luther King Jr, o defensor dos direitos dos animais Peter Singer, o pioneiro na "desescolarização", John Holt, ativistas dos direitos das mulheres, abolicionistas, e tantos outros. Essas coisas que nós temos medo são, na verdade, desejáveis. Precisamos aprender a vê-las dessa forma e abraçá-la, abandonando o medo.
Quando conseguirmos ficar bons nisso - o que requer bastante prática - nós poderemos começar a remover as coisas que estão nos prendendo.
Então, pratique:
1. Supere seu desconforto, criando um método para lidar com ele.
2. Coloque-se em situações desconfortáveis e fique bem em não saber se as pessoas vão te aceitar.
3. Atenha-se a um hábito, não escute o diálogo interno negativo que normalmente o impede de agir.
4. Cumpra suas tarefas um pouco mais e aprenda a confiar em si mesmo.
5. Aprenda através de repetidas tentativas que é normal falhar, que você pode ficar bem após um fracasso.
6. Aprenda através de repetidos experimentos que você é mais forte do que pensa, que é mais capaz e mais tolerante ao desconforto do que pensa.
Nessa prática você vai se encontrar. E perceber que você era bom por todo esse tempo.
Artigo originalmente publicado no Zenhabits e cedido gentilmente ao Administradores.com.
Tradução: Lívia Maria

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Valores relativos e absolutos do Excel: você conhece a diferença?


Microsoft Excel é um software que facilita a construção de planilhas eletrônicas devido a sua grande quantidade de ferramentas voltadas para inserção, edição e formatação de informações. Além disso, o Excel contém uma enorme quantidade de fórmulas e funções que podem ser utilizadas nas mais diversas planilhas.
Basicamente, para a utilização de uma fórmula no Excel, basta que o usuário conheça a sintaxe da função e a partir dela selecione corretamente os valores que serão utilizados para a realização de um determinado cálculo. O que torna mais interessante o uso das funções, com elas podemos utilizar tanto valores relativos, quanto valores absolutos.
Neste artigo, apresentaremos a diferença entre valores relativos e absolutos. Mostraremos como utilizar as diversas formas de valores absolutos disponíveis na versão 2010 do Excel.

Valores relativos:

A diferença básica entre valores absolutos e relativos é a forma como eles são empregados em uma fórmula. Basicamente, os valores relativos são aqueles que mudam de acordo com o endereço de uma célula. Abaixo apresentamos um exemplo de fórmula que utiliza valores relativos.
Valores relativos Excel 2010
Uso de valores relativos em fórmulas do Excel 2010
Na imagem acima destacamos a fórmula que está sendo utilizada para o cálculo da soma dos valores A e B. Notem que o endereço das células que estão sendo utilizadas na função são relativos a linha 3 e colunas A e B. Caso utilizemos o auto preenchimento para aplicar a mesma fórmula para calcular os demais valores, o Excel automaticamente irá manipular a função trocando o endereço de cada célula. Veja na imagem abaixo como ficaria esta planilha utilizando o auto preenchimento.
Autopreenchimento Excel 2010
Utilizando os valores relativos e o auto preenchimento no Excel 2010
Acima destacamos a função que calculou a soma dos termos na linha 6 e colunas A e B, isso somente foi possível, após o uso do autopreenchimento a partir da utilização de valores relativos. Apesar desta função ser de sintaxe extremamente simples, os valores relativos também podem ser utilizados em funções com sintaxe mais avançada, veja na imagem abaixo o uso de valores relativos em uma planilha onde foi aplicada a “Função SE“.
Função Se Excel 2010
Função Se utilizando valores relativos
Notem que a seta está mostrando o teste lógico da “função SE”, que analisa se a nota do aluno é maior ou igual a 70 pontos. Neste caso, o valor relativo foi utilizado devido ao fato da nota sugerida no teste lógico variar de aluno para aluno.

Valores Absolutos:

Os valores absolutos devem ser utilizados quando em uma fórmula os valores utilizados não variam de célula para célula. Normalmente, os valores absolutos são utilizados para representar constantes em uma determinada função. Veja na imagem abaixo um típico caso onde se faz necessário o uso de valores absolutos.
Constantes no excel 2010
Planilha onde foram utilizados valores absolutos para representar constantes
Na imagem apresentada acima se faz necessário o uso de constantes para encontrar os valores da velocidade da distância percorrida.  Se analisarmos a função que foi inserida para encontrarmos o valor da velocidade para cada valor de tempo, poderemos notar o uso de valores absolutos facilmente. Veja na figura abaixo que os valores absolutos são sempre representados a partir da utilização de símbolo de cifrão ($).
Valor constante no excel 2010
Uso de valores absolutos em funções do Excel 2010
Vale ressaltar, que valores absolutos podem ser utilizados em várias funções diferentes, e quando utilizados corretamente, estes valores facilitam a construção de planilhas no Excel e também no desenvolvimento das fórmulas empregadas. Um outro exemplo que pode ser dado é o da planilha, apresentada neste mesmo artigo, construída para facilitar a análise de um determinado quadro de notas. Vejam que na fórmula contida na imagem, o teste lógico analisou se a nota do aluno seria maior ou igual ao valor 70. Este mesmo teste lógico poderia ser analisado utilizando a planilha abaixo.
Função Excel 2010
Função Se utilizando valores absolutos
Nessa imagem, o valor absoluto da célula F2, contendo a nota mínima de aprovação foi usado para a construção da “função SE” na planilha. Isso faz com que possamos alterar o valor da nota mínima de aprovação sem a necessidade de mudar todas as fórmulas da função, ou seja, caso a nota mínima passe a ser 60, o usuário deve alterar o valor da célula F2 que automaticamente o teste lógico da função será alterado.
Para transformar um valor relativo em absoluto é muito fácil, basta você entender que os cifrões representam se a linha ou a coluna deverão ser consideradas como constantes. Veja nos exemplos abaixo como funciona este processo:
  1. A célula inteira possui um valor absoluto: Sendo assim, serão necessários dois cifrões, um anterior a coluna e um anterior a linha. Veja como ficaria este caso: $F$2.
  2. Somente a coluna possui valores absolutos: Sendo assim, será necessário somente o primeiro cifrão. Veja como ficaria este caso: $F2.
  3. Somente a linha possui valores absolutos: Sendo assim, será necessário somente o segundo cifrão. Veja como ficaria este caso: F$2.

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Dispositivos USB têm falha grave de segurança

Tradicional uso de pen drives pode estar com os dias contados.
De acordo com uma pesquisa desenvolvida por dois especialistas em segurança, os dispositivos que utilizam o padrão USB, como pen drives, HDs externos e também outros equipamentos de armazenamento, podem ser infectados em uma camada invisível, não podendo ser identificado nem por antivírus. O problema é capaz de afetar todos os aparelhos do tipo, e não há solução para o caso.
“Você pode dar um pen drive infectado ao departamento de TI e eles vão escanear, apagar alguns arquivos e dá-lo de volta dizendo que está ‘limpo’”, revela o pesquisador Karsten Nohl. Jacob Lell e Nohl são criadores do software BadUSB. Conforme eles, o único modo de encontrar o problema é fazer uma trabalhosa engenharia reversa no firmware.  “O processo de limpeza sequer toca nos arquivos maliciosos”, completa Nohl.
A brecha permite que códigos maliciosos modifiquem arquivos no computador, redirecionem o tráfego da internet e até assumam o comando da máquina. Deste modo, caminho aberto para um hacker.
O problema para solucionar a vulnerabilidade é que o firmware está localizado na base de construção dos dispositivos USB. Com isso, os pesquisadores explicam que o caso não pode ser resolvido, já que envolve a própria concepção da tecnologia. Quando um dispositivo USB é conectado a um computador infectado, o firmware pode ser reprogramado pelo malware sem ser detectado. Do mesmo modo, qualquer dispositivo do gênero pode infectar um computador de forma silenciosa.
Para driblar o problema, explicam os pesquisadores, o melhor modo é nunca usar esse tipo de dispositivo em computadores não confiáveis.
“Você não pode mais confiar em um pen drive apenas porque não há vírus. É preciso considerar que ele esteja infectado e jogá-lo fora assim que ele tocar em um computador suspeito. O problema é que isso é incompatível com a forma como usamos dispositivos USB agora”, disse, Nohl.
Até então não há histórico desse tipo de ameaça, a não ser pelo software conceitual desenvolvido pelos pesquisadores alemães.
As descobertas de Nohl e Lell serão apresentadas, em detalhes, no dia 2 de agosto, em Las Vegas, durante a reconhecida convenção de segurança Black Hat. 
Rafaela Pozzebon | Assunto: Segurança- site: http://www.oficinadanet.com.br/

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Notícias do Concurso para o TJRJ 2014

Com cerca 2.100 vagas ociosas (393 na função de técnico e 1.707 de analista), segundo o Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro (Sind-Justiça), a expectativa é de que, nas próximas semanas, o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ-RJ) possa anunciar a oferta do concurso, assim como os membros que farão parte da comissão da seleção. Formada a comissão, em pouco tempo deverá ser anunciada a organizadora do concurso, cujo edital será concluído em novembro, segundo informou a presidente do TJ-RJ, desembargadora Leila Mariano.

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Exercícios de Excel para Concursos



Pessoal, abaixo segue pequenos exercícios de Microsoft Excel de provas para concursos públicos.

Dadas as seguintes células de uma planilha eletrônica, com os respectivos conteúdos:

F1=5, F3=7, H1=4, H3=6, J1=3 e J3=2

A célula C3, contendo a fórmula =$F1+H$1, após ser copiada para a célula E5, apresentará um resultado igual a

 a) 7.
 b) 8.
 c) 9.
 d) 10.
 e) 13.
-------------------------------------------------------------------------------------------------
Utilidades tais como calendário, temperatura, relógio e medidor de cpu, entre outras, podem ficar fixamente presentes na área de trabalho do MS-Windows 7. Trata-se de
(A) painel de controle de serviços.
(B) serviços administrativos.
(C) gadgets.
(D) budgets.
(E) ícones da área de notificação.
----------------------------------------------------
Considere a planilha MS-Excel (2003):


A
B
1
pri
2
2
seg
200
3
ter
450
4
qua
3
5
qui
32
6
sex
98
7
set
78
8
oit
47
9
non
8

O número 8 constante da célula B9 foi obtido pela função

(A) =SOMA(B1:B8).
(B) =CONT.NÚM(B1:B8).
(C) =MÁXIMO(B1:B8).
(D) =MÍNIMO(B1:B8).
(E) =MÉDIA(B1:B8).
Analisando a expressão A: =(2+2)*3 e a expressão B: =2+2*3, quais serão respectivamente os resultados?
a) Expressão A: 12 e a expressão B: 12.
b) Expressão A: 8 e a expressão B: 12.
c) Expressão A: 12 e a expressão B: 8.
d) Expressão A: 4 e a expressão B: 8.
e) Expressão A: 12 e a expressão B: 4.

-----------------------------------------------------------------------------------------

Qual é a fórmula correta no Microsoft Excel 2007 para obter a soma das células no intervalo
de A5 até A8?
a) =soma(A5-A8)
b) =total(A5-A8)
c) =soma(A5;A8)
d) =total(A5;A8)
e) =soma(A5:A8)



------------------------------------------------------------------------
Qual a fórmula abaixo que poderia ser utilizada para apresentarmos o resultado “ Aprovado” ou “ Reprovado” na célula E2 de acordo com o critério Média >= 7,0 (célula D2)?
a) SE(D2>=7; "Reprovado";" Aprovado")
b) SE(D2>=7; "Aprovado";"Reprovado")
c) SE(E2>=7; "Aprovado";"Reprovado")
d) SE(E2>=D2; "Aprovado";"Reprovado")
----------------------------------------------------------------------

Qual é a função usada no Microsoft Excel
2007 para arredondar um número até uma
quantidade específica de dígitos?
a) ARRED
b) ARREDONDA
c) ARREDONDAR
d) TRUNC
e) TRUNCAR


domingo, 18 de maio de 2014

Semana de Informática na Maratona de Vídeos para PRF

Pessoal:
Dicas para o concurso: Aulas da folha dirigida nesta semana.